Pérolas do ENEM: o que os alunos realmente tentaram dizer

duvida

Na redação do ENEM, os alunos estão sujeitos a uma série de erros: ortográficos e concordância, por exemplo. No entanto, alguns erros levam o avaliador a interpretar que o aluno não domina o que está escrevendo, pois, escrevem frases sem conexão de conteúdo. Confira alguns erros selecionados e saiba no que os alunos erraram.

“A floresta está cheia de animais já extintos. Tem que parar de desmatar para que os animais que estão extintos possam se reproduzirem e aumentarem seu número respirando um ar mais limpo”

Nessa sentença, acredita-se que o aluno quis dizer que existem animais com risco de extinção, ou seja, estão em um número bastante reduzido, mas ainda existem. O erro do estudante foi dizer que já foram extintos. Sendo assim, não tem como eles se reproduzirem.

“A ciência progrediu tanto que inventou ciclones como a ovelha Dolly”

Ciclones não. Clones. A ovelha Dolly foi clonada em 1996, mas a experiência foi divulgada apenas em 1997. Dolly foi o primeiro mamífero a ser clonado com sucesso a partir de uma célula adulta.

“Lenini e Stalone eram grandes figuras do comunismo na Rússia”

No caso, o regime comunista na Rússia que durou 74 anos e marcou a fundo a história do século XX, ocorreu sob o comando de Lênin, o maior líder dos bolcheviques. Com a sua morte em 1924, Josef Stálin assumiu a liderança.

“A finalidade das Cruzadas era passear pelo deserto em busca de aventuras”

As Cruzadas foram movimentos militares que partiram da Europa Ocidental em direção à Terra Santa e à cidade de Jerusalém com o intuito de conquistá-las, ocupá-las e mantê-las sob domínio cristão e não buscar aventuras.

“A leitura permite ao homem tornar-se míope”

A miopia é a condição em que os objetos próximos são vistos claramente, mas os objetos distantes não, ou seja, não é uma relação adequada para se fazer com a leitura.

Notícias relacionadas